Contribuintes goianos não podem mais usar o ECF, confira prazos:

0
ECF não é mais permitido em Goiás e cessação de uso é necessária. Tempo de leitura: 1 minuto

Prazo para cessação do ECF foi prorrogado mas uso do equipamento não é mais permitido, saiba mais:

Em Goiás, cessar o uso do Emissor de Cupom Fiscal (ECF) é obrigatório,  os contribuintes têm até 31 de dezembro de 2018 para solicitar autorização de cessação. Anteriormente o prazo era até dia 30 de Abril, mas foi estendido para atender a pedidos do setor varejista.

O emissor foi substituído pela Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica (NFCe). Participantes do simples são obrigados a emitir a NFCe desde de janeiro deste ano, portanto o uso do emissor de cupom fiscal não é permitido para essas empresas.   

Contribuintes do Simples Nacional têm até 31 de dezembro para pedir a cessação do uso do ECF.

 

Empresas precisam solicitar cessação do ECF na SEFAZ

O pedido para a cessação do uso do ECF deve ser formalizado junto a Delegacia  Regional de Fiscalização até dia 31 de dezembro. No momento da solicitação é necessário  apresentar formulário que está disponível no site da SEFAZ preenchido. Além disso, também é necessário contratar uma empresa lacradora que esteja credenciada.

Lembrando: não é porque o prazo foi estendido que o uso do ECF é permitido.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *